Escolha uma Página

Análise financeira para a tomada de decisões

 

As demonstrações financeiras (Balanço Patrimonial e Demonstração do Resultado do Exercício) fornecem uma quantidade enorme de dados para as organizações, tais como volume de vendas e de compras, capital disponível, volume e especificações das obrigações a pagar, entre outros. Por mais antiga que seja essa prática nas empresas, muitos dados são de difícil interpretação para a maioria dos gestores, devido a sua estrutura e nomenclatura particulares. Dessa forma as demonstrações financeiras são utilizadas apenas como uma norma e obrigação para apresentação na Receita Federal ou para cálculo das obrigações acessórias.

 

Para que esses dados se tornem úteis e até mesmo uma ferramenta para a tomada de decisões, é preciso torná-los informações. A análise das demonstrações financeiras tem essa função, de transformar os dados obtidos por meio das demonstrações financeiras em informações, para que seja possível uma melhor análise e compreensão. A análise das demonstrações financeiras é, portanto uma ferramenta utilizada na Gestão Financeira, que permite ao analista ou gestor, tomar decisões mais concretas. Por meio destas, é possível analisar a empresa econômica e financeiramente, a fim de saber se ela possui plenas condições de quitar suas obrigações, se é lucrativa ou não, se os estoques têm uma rotatividade eficaz, se necessita de empréstimos, qual tipo de capital está sendo utilizado, entre outras informações necessárias a uma boa administração.

 

A análise das demonstrações financeiras pode ser feita de diversas formas, utilizando diversas técnicas contábeis, que dependem das necessidades do gestor. Os tipos de análise mais comuns são a Análise Tradicional e a Dinâmica. A análise tradicional inclui: análise através de índices (estrutura, liquidez, rentabilidade, atividade e endividamento) e a análise vertical e horizontal. A análise dinâmica inclui: análise dos ciclos econômico, financeiro e operacional; capital de giro; necessidade de capital de giro; saldo de tesouraria e fluxo de caixa. Tais técnicas se completam e são dependentes, para que o resultado final possa ser o mais satisfatório possível.

 

Para que as análises mencionadas possam ser efetuadas de forma eficaz, as demonstrações financeiras utilizadas devem retratar a realidade do negócio, dessa forma a contabilidade deve ser fiel às operações diárias da empresa e o gestor deve ter controles financeiros e operacionais atualizados. É importante também que um bom consultor auxilie o gestor na análise dos dados e informações obtidos por meio das análises, pois certas informações podem confundir o gestor e levá-lo a uma tomada de decisões incorreta.

 

 

Análise financeira para a tomada de decisões

Tamara Oliveira

Administradora

Graduada em Administração pela PUC Minas em 2015. Técnica em Contabilidade pela Newton Paiva em 2011. Assistente financeiro em uma multinacional americana. Já atuou na área financeira, contábil e de recursos humanos.

Faça seu comentário

perguntas e respostas no total.

Tenha Resultados Incríveis

Tenha Resultados Incríveis!

Receba artigos, dicas, tutoriais de como melhorar seus resultados e aumentar sua performance.

Totalmente exclusivo e gratuito!


Inscrito com sucesso!